Seu espaço

Acesse seu histórico clínico
e saiba novidades do seu interesse.

15/01/2020 - Acupuntura, a definição de uma medicina


O significado da palavra acupuntura deriva do latim acu, agulha e puntura, picar ou o ato propriamente de inserir as agulhas em uma superfície.

O método da acupuntura é milenar, como todos sabem. Junto com a colocação de agulhas, outras técnicas terapêuticas a acompanha, como a sangria com agulhas, o aquecimento dos pontos com ervas, a introdução de substâncias em pontos de acupuntura e o uso de ventosas, dentre as principais.

Portanto, o campo da acupuntura é vasto. 

Nós, os médicos acupunturistas, mais que qualquer outra especialidade médica, trazemos no nome o nosso principal recurso terapêutico: o tratamento com agulhas.

Por isso, deve o médico acupunturista se familiarizar com as muitas possibilidades do uso das agulhas. Não só o agulhamento à seco, mais conhecido, mas também aqueles que se utilizam de elementos biológicos que produzem efeito regenerativo. Aliás, essa é outra característica do nosso campo: atuamos sempre em prol da restauração e regeneração funcional e biológica. 

Esse é um princípio fundamental!

Dessa forma, modernamente, temos que entender a acupuntura dentro do contexto da medicina regenerativa moderna, ampliando sua noção a partir dos princípios que deram origem a ela há centenas de anos.

Muitas terapias utilizadas pelo mundo afora, se formos ver, já haviam sido identificadas pela medicina chinesa. Dentre elas, o PRP (plasma rico em plaquetas) e suas variantes e o uso de medicamentos de ervas em pontos tópicos e subcutâneos de acupuntura e de cavidades. Outras, em pleno desenvolvimento, como a ozonioterapia, também se ajusta ao conceito de acupuntura, tanto no sentido regenerativo quanto do uso de agulhas para sua realização.









Rua Marquês de São Vicente, nº 124 - lj. 210 e 211
Gávea - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 22.541-040
Fones: (21) 2294 4113 / 8743 5530